header

Revista nº 1

outubro 2001

NOVOS
AUTORES

Cândida Luz mora no Porto e tem 56 anos. Apesar de escrever há muito, estes são os primeiros poemas publicados.

Cândido LuzCÂNDIDO LUZ

VOLTA A VIVER

Estrada escura na noite cerrada
assim me parece minha vida fechada.
Mas as janelas da minha alma
hei-de abrir.

Depois das portas se terem fechado,
um novo jardim há-de florir
e a luz da manhã
de mansinho…voltará a surgir!


TRAVESSIA DE VIDA

Foste minha forma de viver,
minha sede de amar,
minha vontade de comer,
meu oxigénio a respirar.

Foste a minha energia,
a minha força de andar
em busca de um alento,
para a vida atravessar.


POETA

Ser poeta é ser alguém
em constante desassossego.
Procura a utopia… o tudo e o nada
o princípio e o fim.

Na sua mente complicada!…
É um ser sonhador
difícil de entender.
Não se encaixa
no pré-estabelecido,
no louco rodopio.

Tenta acreditar num mundo
que só para ele faz sentido.
É um mundo imaginado
não é o convencionado.

Voltar